Os segredos para uma boa massa - Bravo

Os 4 Segredos de uma Boa Massa

10 de agosto de 2018

Não há quem não aprecie uma boa massa. Seja recheada, fresca ou na salada; acompanhada de um bom molho ou apenas passada no azeite, massa sempre é um bom coringa que agrada os mais diversos paladares.

O preparo de uma massa é simples, prático e por isso, acaba sendo uma alternativa muito comum para receber os amigos em casa. Confira nossas dicas para que fique tutti delizioso!

 1. Acerte na Escolha da Massa

Ao comprar massas, procure por aquelas feitas de trigo duro. As chamadas Grano Duro são feitas a partir do Triticum durum, uma espécie de trigo que possui mais glutén e proteína e que resulta em um macarrão de massa mais firme e maleável do que as massas comumente vendidas no Brasil.

Esse tipo de massa chega ao ponto mais facilmente, libera menos amido em seu cozimento e não gruda tanto. Para quem estiver pensando em associar a massa a um molho, massas Grano Duro tem melhor aderência ao molho.

2. Pegue leve com o Sal

Um erro muito comum no preparo de massas está em adicionar óleo ou azeite para o cozimento. O conselho de todo culinarista é que se cozinhe a massa apenas com sal, uma vez que a adição de óleos influencia no tempo de cozimento da massa e na probabilidade de a massa ficar grudenta.

No entanto, preste muito atenção na quantidade de sal adiciona à agua de cozimento! Além do excesso de sal ser prejudicial à saúde, a água de cozimento não deve ser uma amostra gratuita do mar. Recomenda-se que para cada 100g de massa, seja fervido 1 litro de água com uma colher de sopa de sal, sendo que o sal deve ser adicionado quando água estiver ao menos borbulhando.

3. Intencionalmente, Fora do Ponto

Para início de conversa, deixa primeiro que a água ferva junto do sal e só então adicione a massa. Observe bem o tempo de cozimento informado na embalagem do macarrão e desligue o fogo 1 minuto ante do tempo recomendado, de propósito mesmo. Deixe que a massa termine de cozinhar junto com o molho: mesmo que a mistura de molho mais massa não seja feita no o fogo, a alta temperatura do molho termina de cozinhar o macarrão, o deixando na textura ideal.

Ainda durante o cozimento, se estiver preparando alguma massa de comprimento longo como spaghetti e linguine, não quebre a massa! Se de fato você deixar a água ferver antes, na hora de adicionar o macarrão ele amolecerá em breve e assim, você conseguirá colocá-lo todo imerso na água de cozimento. Para massas curtas ou aninhadas, como penne, parpadelle e farfalle, certifique-se que elas estão imersas na água.

4. Reserve o Amido

Por fim, quando desligar o fogo e for escorrer a massa, não esqueça de reservar a água de cozimento. No processo de cozimento, o macarrão libera amido para água, que pode ser reaproveitado para garantir uma massa ainda mais suculenta: Adicione não mais do que um copo da água de cozimento para ir diluindo e deixar o molho que vai acompanhar a massa mais ralo, conforme sua preferência.

Durante o preparo do molho, é natural que você use água para torna-lo menos concentrado e deixa-lo com melhor consistência para servi-lo com o macarrão sendo assim, melhor usar a água do cozimento da massa já que o amido ajuda no processo de aderência molho-massa. Outra dica: Após escorrer a massa não lave ela com água corrente, isso vai deixa-la mais grudenta e vai “lavar fora” o restante do amido. Massa escorrida; regue-a com azeite ou manteiga derretida para deixa-la bem soltinha.

Com essas dicas, você já está preparado para transformar sua cozinha em uma verdadeira Trattoria!

Baseado em:

https://br.pinterest.com/pin/427701295836745348/

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

social_facebook social_instagram